logos

05/12/2018
14:24
Por: Dégagé

Icaraí de Amontada, praia do Litoral Oeste cearense, é considerada um verdadeiro paraíso. Localizada a cerca de 190 quilômetros de Fortaleza, Icaraizinho, como também é conhecida, tem a riqueza da beleza natural, da preservação e dos bons ventos que atraem velejadores do mundo inteiro. Tudo isso somado à boa estrutura hoteleira e gastronômica do local. É lá que nos próximos dias 15 e 16 de dezembro acontece o Festival Ojuobá de Esporte e Cultura.

(Foto: Divulgação)

Com estrutura montada ao lado do restaurante Casa Marujo, o Festival Ojuobá acontece durante todo o dia no sábado e domingo. A programação diurna será de esportes, com Campeonato de kitesurf embalados pela DJ Maarji, regata de paquete e apresentação de capoeira. À noite acontece a programação artística, que tem entre as atrações Paula Tesser, banda Dona Zefinha e Tertúlia Black Vândala. No local, feira de artesanato e comidas típicas.

Tendo como tema desta edição “O redespertar à Cultura dos Povos do Mar”, o Festival Ojuobá é apresentado pelo Governo do Estado do Ceará, através da Casa Civil, numa realização da Seara Cultura e Desenvolvimento e Galgo Entretenimento. Esta é a segunda edição do evento, que foi criado em dezembro de 2016 em Icaraizinho, como uma nova versão do Jeri Sport Music Festival, realizado por oito anos em Jericoacoara.

PROGRAMAÇÃO ARTÍSTICA

A programação artística de sábado e domingo começa às 19 horas, com as atrizes-palhaças Ana Nogueira e Fabiana Pirro, respectivamente, Dona Pequena e Uruba. Elas integram o Coletivo de Palhaçaria Violetas da Aurora, grupo criado no Recife (PE) em agosto de 2017, que pesquisa a comicidade feminina. Em Icaraizinho, farão intervenções cômicas, prometendo muita interação com o público, que será convidado a integrar o cortejo pelas ruas até o local dos shows.

Fabiana Pirro em Medusa (Foto: Renato Filho)

No sábado, depois do cortejo, Fabiana Pirro apresenta a performance #MedusaMusaMulher, criação sua com texto da poeta Cida Pedrosa. A artista propõe uma reflexão da mulher culpada por sua beleza e assim violada, alertando as mulheres, por meio do mito da Medusa, o quanto é antiga a tentativa de culpabilizar as vítimas de estupro.

O Festival embala o público nas duas noites, a partir das 2 horas, com uma programação de shows e DJs. No sábado, começa com o show “Forró Arrasta Pé”, de Paula Tesser e Banda. Em seguida, a atração é a DJ Maarji, que apresenta uma viagem musical mostrando sua pesquisa em raridades de disco music, boogie, groove, dance e jazz, sempre com uma pegada dançante e eclética.

Dona Zefinha (Foto: Leticia dos Passos)

No domingo, a banda Dona Zefinha apresenta o show “Da Silva el Hijo de las Américas”. Com esse trabalho, baseado na vida do povo latino, Dona Zefinha aposta numa pegada envolvente e divertida, quente fervendo como seus músicos sabem fazer, com arranjos inspirados nas expressões artísticas populares e fusões de ritmos como tango, bolero, cúmbia, arrocha, samba, milonga e carnavalito, somado aos sons da rabeca, sanfona, guitarra e sopros, trazendo um clima dançante tropical.

Para encerrar esta edição, festa no domingo com Tertúlia Black Vândala, um coletivo de DJs e agitadores culturais de Fortaleza, que têm como marca registrada a black music em suas diversas vertentes soul, R&B, funk, boogie e disco. Os DJs se revezam tocando com vinil e digital um som dançante, revisitando a atmosfera das discotecas, tertúlias dos anos 70, 80, bailes black e do lendário programa de tv americano Soul Train.

TEMA E HOMENAGEM

O Festival Ojuobá levanta a bandeira da pesca artesanal, que é umas das principais garantias de sustento e desenvolvimento das praias da região, e presta uma homenagem aos pescadores que ainda mantêm essa prática, “remando contra a maré” do avanço das novas formas e tecnologias de pesca. Nesta edição, o Festival coloca em discussão as maiores necessidades desses povos do mar, além de resgatar a pesca artesanal e outras atividades que abrangem o setor. A homenagem à Cultura dos Povos do Mar será no domingo, às 19 horas, com a presença de pescadores da região. Será um momento de comemoração, no melhor estilo praieiro, com fogueira e assado de peixe, na beira da praia.

PROGRAMAÇÃO ESPORTIVA

O Festival começa no sábado com o Campeonato de Kitesurf Strepless Freestyle, aberto a praticantes profissionais e amadores em duas categorias: Feminino e Masculino. Além de prêmio em dinheiro, os três primeiros colocados das duas categorias serão contemplados com colares/medalhas confeccionados em pedrinhas do litoral cearense pela artesã pernambucana Maria Teresa Pontes, que há três anos criou a marca Têra, produzindo peças autorais únicas.

Capoeira (Foto: Tomas Biciocchi)

Nessa época do ano, os ventos chegam a 30 nós. Para os atletas, é uma grande oportunidade de fazer o que mais gosta em ótimas condições. Para os visitantes e moradores, será um espetáculo à parte com o céu colorido de pipas.

No domingo de manhã, acontece a Regata de Paquete, que é um tipo de jangada com aproximadamente metade do comprimento da jangada grande. Realizada pela comunidade de pescadores de Icaraizinho, a regata contará com a participação de pescadores artesanais de Icaraiznho e praias vizinhas. A premiação da Regata de Paquetes está marcada para às 16 horas.

Na sequência, apresenta-se o grupo de capoeira Armada Dupla, da Sabiaguaba, formado por cerca de 20 alunos do professor Edson. Além da roda, os participantes vão apresentar um trabalho de capoeira que já vêm desenvolvendo.

PROGRAMAÇÃO  

Dia 15 (sábado)

14h – Campeonato de Kitesurf, embalado pelo som da DJ Maarji

19h – Projeto Violetas da Aurora

#MedusaMusaMulher

20h – Forró Arrasta Pé com Paula Tesser e Banda

21h – DJ Maarj

Dia 16 (domingo)

Pela manhã – Regata de Paquete

16h – Premiação da Regata

17h – Roda de Capoeira

18h – Comemoração com os pescadores, fogueira com peixes

19h – Violetas da Aurora

20h – Banda Dona Zefinha

21h – Tertúlia Black Vândala

Compartilhar
Dégagé on FacebookDégagé on InstagramDégagé on Youtube
Dégagé
Uma agência de comunicação integrada que age como parceira junto a grandes empresas e instituições. Oferecemos serviços e produtos que contribuem para o crescimento e fortalecimento de cada marca nas mais diversas áreas de atuação como política, econômica e cultural.

Publicado por

Dégagé

Uma agência de comunicação integrada que age como parceira junto a grandes empresas e instituições. Oferecemos serviços e produtos que contribuem para o crescimento e fortalecimento de cada marca nas mais diversas áreas de atuação como política, econômica e cultural.


Copyright © Degage Clipping. Todos os direitos reservados